Donata Meirelles – conheça um pouco desse ícone da moda

Donata Meirelles é um dos principais nomes do mercado da moda de luxo nacional. Atualmente ela está na Vogue como editora de estilo, mas antes disso foi diretora da Daslu por mais de 20 anos. Conheça um pouco dessa história.

O ano era 1990 quando Donata, então estudante de economia, iniciou sua carreira com vendedora na boutique Daslu. Na época ela dividia o trabalho com os cuidados com a filha mais velha, Helena Bordon, fruto do primeiro casamento com o empresário Pedro Bordon.

Donata disse em entrevista à Forbes em 2017 que foi cliente da empresa, depois vendedora e por fim era responsável pelas aquisições das marcas que seriam vendidas no país, após a abertura do governo Collor para as importações. Ela também afirmou que nunca foi sócia da empresa durante os 23 anos que trabalhou na Daslu. Ela foi sim diretora geral e braço direito da proprietária, Eliana Tranchesi.

O trabalho na boutique também incluía a coordenação de cerca de 400 funcionários. Durante esse período ela tinha que fazer até 10 viagens internacionais no ano para comparecer aos principais desfiles de moda do mundo. Em muitas dessas viagens, a filha tinha que ir com ela e em certa ocasião as filhas do Eliana, Lu e Marcela Tranchesi também foram.

Era um desfile em Milão e contou com grandes nomes da moda como os estilistas italianos Dolce e Gabbana, mundialmente conhecidos. Enquanto as mães trabalhavam, as meninas estavam na sala ao lado, brincando de fazer pedidos no showroom da dupla de estilistas que estava apresentando suas composições.

A relação com a filha é especial, tanto que Helena Bordon pretende seguir os mesmos passos que a mãe. Atualmente ela tem uma marca de roupas, a 284, juntamente com Lu e Marcela Tranchesi. Sempre juntas, Donata afirma que acredita ter influenciado a filha em sua carreira, mas sempre a aconselha a se cuidar porque o tempo não para.

Helena, por sua vez, afirma que sempre admirou o trabalho de Donata, suas roupas e acessórios. A jovem confessa que sempre que a mãe viaja procura por suas roupas e acessórios e que, apesar de não vestirem o mesmo número “dá um jeito” de aproveitar uma ou outra peça, adaptando com um cinto ou outro acessório.

Carreira na Vogue

Há pouco mais de seis anos, Donata Meirelles foi convidada para trabalhar na edição brasileira da Vogue, importante revista de moda. O cargo era de editora de estilo e mesmo não tendo formação acadêmica em jornalismo, ela desempenhou um bom papel.

Segundo Donata, sua missão é proporcionar para a publicação o olhar de leitora. Suas viagens ao redor do mundo, as pessoas e lugares que conheceu foram determinantes para que ela pudesse trazer novos enfoques para a revista.

Ela conta que o último ano foi marcado por uma grande imersão nos eventos promovidos pela Vogue. Para isso foi criada uma plataforma em que ela e uma equipe viajam o país promovendo ações, palestras e workshops. O intuito é gerar rendimentos a partir da força que a marca Vogue possui.

Um desses eventos ocorreu em um shopping de Goiânia. Na ocasião, o público presente superou as 70 mil pessoas em apenas um dia. Os lojistas que participaram da ação e aqueles que desenvolveram ações paralelas registraram um grande lucro, superado apenas pelo Natal, melhor data para o comércio.

Cotidiano

Muito do que Donata Meirelles faz, eventos que participa, locais que frequente é matéria de revistas, blogs especializados em moda e perfis nas redes sociais. Ela mesmo posta muita coisa em seu Instagram, que tem milhares de seguidores. Além de imagens do seu dia-a-dia, ela também compartilha combinações, fotos de eventos e etc. No seu Facebook, as postagens têm um teor mais informativo.

Na rede também circulam fotos das participações de Donata em eventos de gala voltados para a filantropia. Recentemente ela participou do leilão da Amfar, entidade sem fins lucrativos que apoia pesquisas em prol da cura da Aids, entre outras ações de integração de portadores do vírus.

O evento foi realizado na mansão de Dinho Diniz e contou com participação (e contribuição) de vários famosos como Adriane Galisteu, Fernanda Tavares, Rodrigo Faro, Cauã Reymond, Naomi Campbell, Kate Moss entre outros.

Sabrina Sato foi uma das que mais se destacou e no leilão arrebatou um item no valor de 120 mil dólares. Donata também contribuiu com 50 mil dólares por outro item do leilão. Foram arrecadados quase 3 milhões de dólares para a instituição. Parte desse valor foi destinado a associação Viva Cazuza.

Outro evento foi a noite de Gala da Brazil Foundation realizado em novembro de 2018 na Casa Fasano. A ong brasileira organizou um leilão para arrecadar fundos para suas ações socioculturais. Além dos leiloeiros, o cantor Jonathan Azevedo e a apresentadora esportiva Fernanda Gentil, o leilão contou com a presença de muitas celebridades.

Estavam presentes Glória Maria, Ana Botafogo, Daniel de Oliveira, Flávia Alessandra, o banqueiro José Olympio, entre outros empresários, atores, cantores, modelos e outras celebridades. Na ocasião, foram homenageados a filantropa Leona Forman, idealizadora da Brazil Foundation.

Cada convidado teve de desembolsar R$ 3 mil pelo ingresso e juntamente com o dinheiro do leilão foram arrecadados mais de R$ 800 mil. Além de apresentações musicais, também foram apresentados alguns projetos desenvolvidos pela ong. Toda a festa foi organizada sem ônus para a instituição, uma vez que tornaria o evento inviável. Parte dos custos foram da co-host da noite, a marca Chanel.