Donata Meirelles, Cauã Reymond e Kate Moss comparecem ao Baile da Amfar

Presente no Brasil há quase dez anos, a Amfar é uma instituição sem fins lucrativos que atua em todo o mundo apoiando pesquisas para a cura da Aids. Anualmente ela promove no país seu baile de gala para angariar fundos para os projetos e reúnem vários famosos. Acompanhe

O Inspiration Gala São Paulo quarta edição foi um dos mais expressivos em volume de arrecadações. Foi realizado um leilão com obras de arte e experiências exclusivas que arrecadou cerca de 3 milhões de dólares para os projetos apoiados pela instituição.

A noite de gala foi realizada na mansão do empresário e filantropo Dinho Diniz, que abriu as portas de sua casa para o baile. Entre os famosos presentes Donata Meirelles, o esposo Nizan Guanaes, Adriane Galisteu, Sabrina Sato, Kate Moss, Lea T, Naomi Campbell, Cauã Reymond, Fernanda Tavares, Sharon Stone, que chegou escoltada por muitos seguranças e etc.

O item mais caro do leilão, um quadro do artista Vik Muniz foi vendido por 120 mil dólares para a apresentadora Sabrina Sato. Donata Meirelles também ajudou a causa e adquiriu um item por 50 mil dólares. Os dois itens estavam entre os que foram arrematados pelo maior valor. Parte do que foi arrecadado foi destinado ao instituto Viva Cazuza.

A sétima edição, realizada em 2017 foi uma das mais agitadas e bonitas. Na ocasião, o artista plástico Vik Muniz foi homenageado por suas contribuições com a instituição. Muniz já doou várias obras para serem leiloadas, gerando mais de 400 mil dólares em lances para os projetos apoiados pela Amfar. O artista descreveu o reconhecimento como uma grande honra.

Muitos artistas compareceram a noite de gala, com destaque para o casal Donata Meirelles e Nizan Guanaes, Marina Ruy Barbosa, Fernanda Paes Leme, Anna Fasano, Isabella Santoni, Lea T, Marina Ruy Barbosa, Luciana Gimenez, Lucas Jagger, Celina Locks, Carolina Ferraz e muitos outros.

A abertura da festa foi feita por Katie Holmes e Felipe Diniz, que juntos deram boas vindas aos presentes, agradeceram o empenho dos apoiadores da festa e patrocinadores. Katie solicitou a presença do CEO da Amfar Kevin Robert Frost, falou sobre a iniciativa “Contagem regressiva para a cura da Aids”.

Kevin apresentou os números do projeto, que repassou mais de 40 milhões de subsídios e verba para o apoio de pesquisas em muitas frentes diferentes. Ao todo 150 pesquisadores e 55 instituições (em sua maioria hospitais e universidades) foram beneficiados em 10 países diferentes.

O evento ainda contou com atrações musicais. A modelo Lea T chamou para o palco Preta Gil que cantou Filho do Arco-Íris, composição de Nizan Guanaes, que vai destinar a renda dos direitos autorais para a ong. O segundo show da noite foi de Anitta, que colocou todos para dançar com seus sucessos.

O leiloeiro da noite foi o ator norte-americano Harry Winston. Os itens de maior valor de arremate foram:

Quadro de Vik Muniz leiloado por 135 mil dólares pelo ex-jogador de futebol Ronaldo Fenômeno;

Quadro dos irmãos Otavio e Gustavo Pandolfo, arrematado por 60 mil dólares;

Convite para o castelo de Buckingham na Inglaterra, incluindo um lugar próximo a Rainha Elizabeth durante a procissão da família real britânica. A experiência foi arrematada por 50 mil dólares;

Retrato feito por Mert & Marcus arrematado por 70 mil dólares por Sabrina Sato. O vencedor vai posar juntamente com Kim Kardashian em um hotel cinco estrelas.

Viagem incluindo estadia para Riviera Francesa. Também estão inclusos um par de ingressos para o Festival de Cinema de Cannes, para Grand Prix de Fórmula 1 de Mônaco e convites para festas exclusivas promovidas pela Amfar.

A festa foi produzida pela Josh Wood Productions e na ocasião foram arrecadados mais de 1,3 milhões de dólares destinados aos projetos apoiados pela Amfar.

A Amfar

A Amfar – Fundação para a Pesquisa da AIDS é uma organização não governamental sem fins lucrativos que promove pesquisas para a cura, prevenção e tratamento da Aids. A instituição é uma das mais atuantes no mundo, concedendo apoio a projetos e políticas públicas, além da integração de soropositivos.

Fundada em 1985 em Nova York pela dra Mathilde Krim, o doutor Joseph Sonnabend e o ativista Michael Callen, contudo a instituição já atuava desde 1983 com o nome AMF – Médica da AIDS (AMF), idealizada por Mathilde. O intuito era criar mecanismos que reduzissem o preconceito e demais estigmas sobre o HIV.

Desde que foi criada, a instituição já destinou mais de 400 milhões de dólares para o fomento de pesquisas em vários países. Ela é co-responsável por muitas descobertas em relação ao tratamento e mudanças de posicionamentos em relação ao vírus HIV, em especial na década de 80 incentivando a aprovação de tratamentos, drogas e políticas como um todo.

Atualmente conta com três sedes, duas nos Estados Unidos (Nova York e Washington) e uma na Tailândia, na cidade de Bangkok.